O melhor em Campinas foi o resultado

ariel

O melhor para o Inter no jogo em Campinas foi o resultado. O time outra vez não jogou bem e esteve muito perto da derrota. Se no jogo contra o Palmeiras a arbitragem prejudicou ao não marcar pênalti em Ariel, neste domingo ela beneficiou o Inter ao não marcar dois pênaltis para a Ponte Preta e ainda não confirmar um gol legal para o time paulista.

O gol de Valdívia foi como Falcão quer que seu time jogue, com bola trabalhada no chão. Já o empate saiu da forma que era possível naquele momento. Bola parada, cruzamento na área e Ariel de cabeça.

O time de Falcão tem as suas linhas compactadas, mas não pressiona o homem da bola e isso é um erro fatal no futebol moderno. As ideias pregadas pelo técnico contemplam este tipo de atitude, mas é preciso treinamento e mudança de mentalidade no elenco.

O importante agora era estancar a sequência de derrotas, mesmo que jogando mal. Com apenas duas semanas de trabalho do novo treinador, ainda é muito cedo para exigir um futebol convincente do time colorado. Os ingressos de Nico López e Seijas podem dar mais qualidade técnica à equipe já no jogo de domingo contra o Corinthians.

 

2 Comentários em O melhor em Campinas foi o resultado

  1. Homem de preto que não foi bem contra o Palmeiras ao sonegar o penalti no Ariel mas a imprensa gaucha não deu importância a isso,em vez disse que ganhou o melhor que foi o Palmeiras,a isso então desfaz o penalti sofrido no jogo no Ariel?A imprensa gaucha em geral abre a boca quando um clube gaucho é beneficiado e quando é roubada se cala,parece que a imprensa gaucha quer ser a isenta,parem com isso ninguém é isento,somos gauchos não alardem quando um dos nossos é beneficiado porque na maioria das vezes somos roubados.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*